http://iflorestal.sp.gov.br

Santa Rita do Passa Quatro

  • Nome: Estação Experimental de Santa Rita do Passa Quatro
  • Município: Santa Rita do Passa Quatro
  • Divisão: DFEE
  • Diploma Legal: Dec.19.032C de 23/12/49
  • Seção: Seção de Reservas de Porto Ferreira
  • Responsável: Heverton José Ribeiro
  • Endereço: Av Zequinha de Abreu, KM8,5
  • Bairro: Zona Rural
  • CEP: 13.670-000
  • Via de Acesso: Rod. Anhanguera (SP 330 ) km 241 e Rod. Zequinha de Abreu km 8,5.
  • Telefone: (19) 3582-1807
  • Área (ha): 96,26
  • Latitude: 21º44´06´ Lat S
  • Longitude: 47º29´23´´ Long W
  • Altitude: 725m
  • Clima: Clima da região se classifica como temperado macrotérmico, tipo CWaG (koppen) clima quente de inverno seco não rigoroso.
  • Temperatura:
    – Temperatura média anual 20,8º C.
    – Temperatura média mês mais frio – 17,5º C
  • Topografia: Altitude média da unidade de 725 m, relevo regular de superfície plana, embora com alguma declividade e um pequeno vale nas nascentes de água, segundo classificação geomorfologica do Est. SP a divisão de transição entre depressão Periférica e o Planalto. Ocidental Paulista, denominada de Cuestas Basálticas.
  • Solo: Latossolo Vermelho-escuro e gradações para o Vermelho-amarelo, inclusive fase arenosa e regassol
  • Ecossistema: Mata Atlântica – Floresta Estacional Semidecidual. Reflorestamento com espécies nativas e exóticas e mata ciliar.
  • Fauna:
  • Flora: A vegetação natural da região, conforme observação nos remanescentes florestais inclusive na estação experimental e pela reconstituição apresentada pleo projeto Radam Brasil, há predominância da Floresta Estacional Semidecidual. Outra formação observada é o cerrado e o cerradão. Na estação foram implantados vários experimentos com espécies nativas e exóticas de várias procedências. Espécies em extinção: Peroba-rosa (aspidoperma polyneuron), jacarandá – paulista (machaerium villosum).
  • Turismo e Educação Ambiental: Atualmente, a Estação Experimental de Santa Rita do Passa Quatro destaca-se pela existência de patrimônio florestal de grande valor histórico, científico e educacional, podendo ser considerada um “Museu Vivo”. Esta unidade se destaca ainda pelas características de belezas cênicas, clima aprazível e saudável e proximidade à sede do município, aspectos estes que aliados aos conhecimentos histórico, cultural e científico desenvolvido ao longo de sua existência, intrínsecos aos seus objetivos de manejo, credenciam-na naturalmente ao desenvolvimento de atividades de educação ambiental, lazer contemplativo e ecoturismo. Como visitação informal, a Unidade fica aberta ao público diariamente, em locais pré-estabelecidos para caminhadas, contemplação da natureza e lazer em geral. Como visitas formais, técnicas e educativas, em locais destinados à visitação monitorada, requer agendamento prévio, com acompanhamento da equipe da Estação, normalmente em dias úteis, durante o horário das 7:00 hs às 16:00 hs. Neste sentido, a Estação pode ser considerada como “espaço educacional” do município de Santa Rita do Passa Quatro, abordando temas ambientais diversos, com destaque à biodiversidade local. Chegando em Santa Rita do Passa Quatro pela Rodovia Zequinha de Abreu, no 1º  trevo de acesso, na altura do km 8,5, pode-se avistar as florestas da Estação Experimental, dando um destaque especial à paisagem. Contemplem essa beleza!

O Ministério da Saúde recomenda a vacina da febre amarela aos visitantes que forem para a região