http://iflorestal.sp.gov.br

22/06/18 15:12

IF integrou comissão organizadora da Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

Com o intuito de propor soluções acerca das questões socioambientais, envolvendo o uso das águas a, Conferência teve 981 projetos cadastrados válidos e mais de 1000 inscritos

O Instituto Florestal integrou a Comissão Organizadora Estadual de São Paulo para a V Conferência Nacional InfantoJuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA). O papel fundamental do evento foi mobilizar a comunidade escolar para refletir, dialogar, mapear e propor soluções acerca das questões socioambientais, envolvendo o uso das águas.

Nos dias 14 e 15 de junho, a Assistente Técnica de Pesquisa Vania Aparecida dos Santos participou da etapa estadual da Conferência, realizada das dependências da sede da Secretaria Estadual de Educação (SEE) e no Braston Hotel, na capital. O processo de construção da V CNIJMA envolveu o apoio e articulação para realizar as conferências locais nas escolas públicas e privadas, urbanas e rurais, da rede estadual e municipal e escolas de comunidades indígenas, quilombolas e de assentamentos rurais do Estado de São Paulo.

A Comissão Organizadora Estadual foi composta por representantes de instituições públicas, privadas e da sociedade civil, que atuam na área de educação, meio ambiente, diver­sidade e direitos humanos. Seu papel fundamental concentrou-se na mobilização, apoio e articulação para realizar as conferências locais nas escolas públicas e privadas, urbanas e rurais, da rede estadual e municipal e escolas de comunidades indígenas, quilombolas e de assentamento rural do Estado de São Paulo.

Os participantes produziram projetos que relacionados como a captação da água da chuva, combate ao desperdício e contaminação. Ao todo, o evento teve mais de mil projetos inscritos, sendo que 981 foram validados e, destes, 31 foram selecionados.

“As crianças não tiveram uma rivalidade de competição. Pelo contrário, eles entenderam que o projeto era para o Estado de São Paulo, tanto que uma das propostas era a amizade. Eles conseguiram pensar de forma coletiva”, relata Vania.  Para ela,  todo esse envolvimento reflete bem o trabalho da educação ambiental, que é ação do individuo sobre o coletivo fazendo a diferença.

Vania também trabalhou na metodologia de eleição do professor delegado. O professor de assentamento rural escolhido, Márcio Cleber Toledo Jardim, da Escola Estadual Assentamento de Santa Clara do município de Mirante do Paranapanema/SP, contou que foi uma experiência muito boa e que trouxe muito conhecimento a todos.

A etapa nacional da CNIJMA aconteceu de 15 a 19 de junho de 2018 no município de Sumaré/SP. O evento foi idealizado pelo Ministério da Educação (MEC) com o objetivo de implementar os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), o 8º Fórum Mundial da Água e a Lei das Águas, envolvendo alunos, professores e toda a comunidade escolar em um processo participativo. O tema do evento foi “Vamos cuidar do Brasil cuidando das águas”.

Fotos: Acervo Viveiro Florestal de Taubaté

Mais Informações: Viveiro Florestal de Taubaté – Tel.: (12) 3626-1114/3626-1396