http://iflorestal.sp.gov.br

08/06/18 11:01

Estação Experimental de Tupi promove birdwatching no Mês do Meio Ambiente

Para junho ainda estão previstas atividades diversas, como encontro para planejar uma trilha de ciclismo e resgate da história caipira

Na última terça-feira, 05 de junho, a Estação Experimental de Tupi promoveu uma atividade de observação de aves em comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente. O evento “Passarinhando no Dia do Meio Ambiente” foi realizado pelo Instituto Florestal (IF), Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente (SEDEMA) e Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” da Universidade de São Paulo (Esalq/USP).

Durante a atividade, foram avistadas mais de 30 espécies diferentes de aves:  beija-flor-de-fronte-violeta (Thalurania glaucopis), frango-d’agua-comum (Gallinula galeata), garça-vaqueira (Bubulcus-ibis), martim-pescador-verde (Chloroceryle amazona), pica-pau-de-banda-branca (Dryocopus-lineatus), pica-pau-do-campo-(Colaptes campestris) e tapicuru (Phimosus infuscatus), entre outras.

O biólogo Valdir Felipe, que conduziu a atividade, afirmou que já foram obseravadas mais de 100 espécies de aves na unidade. A especialista ambiental do IF, Maria Luísa Palmieri destacou a importância das aves na dispersão de sementes e, assim, na regeneração natural da área, caracterizada por vegetação de Mata Atlântica.

A atividade integrou a #horadafloresta, evento promovido pelo Grupo de Trabalho do Programa de Uso Público do IF e realizou diversas atividades simultâneas nas áreas protegidas que estão sob a gestão da instituição.

Mês no Meio Ambiente

Ainda para o mês de junho estão previstas diversas atividades voltadas a diferentes públicos. Destacam-se atividades do “Vem pro Horto”, que busca a aproximação entre a comunidade e a unidade com atividades diversas, e “Bacia Caipira” (resgate histórico e socioambiental envolvendo os municípios de Piracicaba e Santa Bárbara d’Oeste) a serem realizadas nos dias 16, 17 e 26. Ambas as atividades são abertas a quem quiser participar.

No dia 16 será realizada uma caminhada com ponto de partida da Praça da Igreja Matriz São José de Tupi em direção ao Centro de Visitantes da Estação Experimental de Tupi (Horto de Tupi). Já na unidade, será realizada uma trilha e um piquenique e enfatizadas as relações entre a Estação Experimental de Tupi e a saúde e qualidade de vida.  Essa atividade será realizada pelo IF, SEDEMA, Escola Estadual Pedro de Mello, Associação de Moradores do Distrito de Tupi e estudantes da disciplina “Ecologia Aplicada” do Curso de Ciências Biológicas da Esalq/USP.

No dia seguinte acontece o “Ciclo de oficinas de planejamento de manejo de trilhas para ciclismo”. Trata-se de um processo de construção participativo de uma trilha de ciclismo na Estação Experimental de Tupi. As inscrições estão abertas a todos os interessados por meio do link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSe-hvLxelIWLMO8Gt5yED5z7A0zueXno Da7egXjhwhstwoi7g/viewform. A atividade é fruto da parceria entre o IF, a SEDEMA e o Laboratório de Áreas Naturais Protegidas da Esalq/USP.

O evento “Trilhas do Horto e história de Tupi” do programa “Bacia Caipira: seguindo as águas e trazendo histórias” será realizado no dia 26. Os participantes terão a oportunidade de realizar uma caminhada pela unidade e conhecer um pouco sobre a sua história e importância, além de observar alguns dos exemplares da fauna local. A realização será do IF, Prefeituras de Piracicaba e Santa Bárbara d’Oeste, SEMAE e DAE Santa Bárbara.

Fotos: Thainá Municelli Cordeiro

Mais informações: Maria Luísa Palmieri – Estação Experimental de Tupi – Tel:(19) 3438-7116